• Programa Núcleos de Ensino da Unesp da Pró-Reitoria de Graduação – PROGRAD, Câmpus de São José do Rio Preto

    Date: 2015.09.28 | Category: CECMundoRural | Tags: ,,,,,,,,,,,,,,,

    Bom dia amig@s do mundo rural! Tudo bem?

    Hoje deixo uma postagem sobre o Programa Núcleos de Ensino da Unesp da Pró-Reitoria de Graduação – PROGRAD. O Programa Núcleos de Ensino da Unesp da Pró-Reitoria de Graduação – PROGRAD, Câmpus de São José do Rio Preto tem por objetivos: (1) promover a parceria entre a Universidade e a escola pública; (2) incentivar o ensino e a pesquisa de caráter disciplinar ou interdisciplinar nas unidades de Educação Infantil, Fundamental e Médio do Sistema Público de Ensino; (3) promover ações educativas e inclusivas junto aos movimentos sociais; (4) apoiar a produção de material didático-pedagógico; (5) contribuir com os processos de formação inicial dos graduandos da Unesp e de formação continuada dos professores da rede pública de ensino.

    A Reitoria da Unesp criou os Núcleos Regionais de Ensino com a finalidade de defender o ensino público e gratuito da pré-escola, do 1º e 2º graus. Em cada Unidade Universitária da Unesp existe um Núcleo Regional de Ensino. Cada Núcleo tem um coordenador e um vice-coordenador escolhido por seus pares entre os professores da Unesp que tiveram projetos aprovados pela Pró-reitoria de Graduação, nos últimos dois anos. Os Núcleos de Ensino da Unesp têm por metas prioritárias a produção de conhecimento na área educacional e a formação inicial e continuada do educador, pautadas pela articulação entre ensino, pesquisa e extensão, e nos princípios da cidadania e da justiça social.

    O Núcleo de Ensino é um programa de responsabilidade da Pró-reitoria de Graduação – PROGRAD com objetivo de trabalhar com os cursos de graduação no desenvolvimento de práticas educacionais nas escolas de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio, visando a melhoria, compreendida em termos de: (1) competência do profissional a ser formado pela Unesp; (2) competência das equipes técnico-administrativas; (3) competência dos docentes, no que diz respeito às suas tarefas de educadores, vista também pela ótica do ensino das disciplinas que lecionam, e da aprendizagem dos seus alunos; (4) desenvolvimento de programas, cursos, oficinas pedagógicas e de outras atividades relevantes à educação e ao desempenho do profissional; (5) desenvolvimento de temas significativos para a Educação e para a política educacional do Brasil; (6) estabelecer parcerias com prefeituras, diretoria de ensino, escolas estaduais e municipais, sindicatos e movimentos sociais dispostos a transformar a dinâmica da educação; (7) estimular, desenvolver e manter o trabalho em equipe e multi-equipe, no sentido de possibilitar estudos teóricos e práticos, em diferentes especialidades significativas para a Educação; (8) congregar equipes do campus universitário que desenvolvam trabalhos relativos à educação; sejam esses trabalhos subvencionados por agências de fomento ou não.

    O Programa Núcleos de Ensino do Ibilce – Unesp – São José do Rio Preto possui 14 projetos e coordenadores: (1) Meninas fazendo ciências: não provoque, é cor de rosa choque (Monica Abrantes Galindo de Oliveira); (2) Grupo de estudos e diálogos sobre Educação em Direitos Humanos e Diversidades na escola (Ana Maria Klein); (3) O Cinema no ensino da Literatura (Cláudia Maria Ceneviva Nigro); (4) Temática ambiental, Educação Ambiental e o Ensino de Ciências nas séries iniciais (Edilson Moreira de Oliveira); (5) Tecnologias na sala de aula (Eloi da Silva Feitosa); (6) Trabalhando Geometria no Ensino Fundamental com Informática e Material Concreto (Erminia de Lourdes Campello Fanti); (7) Educação Cooperativa e Novas Tecnologias: Projeto de Prevenção ao Bullying Escolar entre Jovens de Escolas de Meio Rural através do Uso de Novas Mídias Sociais (Fábio Fernandes Villela); (8) Observatório de Políticas e Práticas Inclusivas na Educação (Fernanda Motta de Paula Resende); (9) Cine em sala: o emprego de curtas metragens em sala de aula na rede municipal de ensino de São José do Rio Preto (Humberto Perinelli Neto); (10) Elaboração e aplicação de Unidades Didáticas com foco em Representação Química (Jackson Gois da Silva); (11) Repetição, Autoria e a Interpretação da Física de Partículas Elementares Mediante a Leitura de Textos (Leandro Londero da Silva); (12) Da formação continuada à formação inicial: uma intervenção no ensino (da gramática) da língua portuguesa (Lília Santos Abreu-Tardelli); (13) E ai Justino?! Atuação de agentes multiplicadores para orientação sexual entre alunos do ensino médio e fundamental (Luciana Aparecida Nogueira da Cruz); (14) A formação inicial e continuada do professor de línguas como um agente humanizador (Marta Lúcia Cabrera Kfouri Kaneoya).

    O coordenador local (2014 – 2015) dos Núcleos de Ensino é Fábio Fernandes Villela, sociólogo, professor do Departamento de Educação do Instituto de Biologia, Letras e Ciências Exatas, IBILCE, da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, câmpus de São José do Rio Preto (SP). Qualquer informação adicional sobre os Núcleos de Ensino do Ibilce – Unesp – Câmpus de São José do Rio Preto, entrar em contato pelo endereço, telefone e/ou e-mail presente no website acadêmico do professor (www.fabiofernandesvillela.pro.br). Um vídeo institucional pode ser acessado em: (https://www.youtube.com/watch?v=TbqWHNgqiJA).